Staking de criptomoedas: O guia passo-a-passo definitivo

Publicado em:

SmartOptions é suportado pelo leitor. Quando você compra através de links em nosso site, podemos ganhar uma comissão de afiliado.

This post is also available in: English

Investimento, trading e mineração são algumas das maneiras pelas quais você pode começar a ganhar dinheiro com criptomoedas. Mas nenhuma delas oferece recompensas mais lucrativas do que o staking de criptomoedas.

Investir requer muita paciência para obter um pequeno lucro sobre o seu capital. Ao realizar trades de criptomoedas, você precisa de muita experiência em trading para obter lucros sustentáveis, e é por isso que a maioria das pessoas acabam perdendo no trading. Nem todos podem obter lucros enormes sem sinais de especialistas ou anos de experiência no trading.

Por fim, por mais simples que pareça, nem todo mundo consegue minerar criptomoeda. A mineração exige grandes investimentos em hardware de ponta, eletricidade e, na maioria das vezes, o custo da mineração excede as recompensas. Isso nos deixa com o staking – indiscutivelmente a melhor maneira de obter renda passiva com criptomoedas, com investimento relativamente menor e retornos mais altos.

Continue lendo para saber tudo sobre o que é, como funciona, como você pode fazer stake de criptomoedas, as melhores criptomoedas para fazer stake e muito mais!

O que é Staking?

Vamos começar com uma analogia simples. Você tem $ 1.000 e empresta a alguém por um determinado período de tempo a uma determinada taxa de juros. Uma vez que você empresta o valor a um mutuário, esse valor é bloqueado. Você não pode mais usá-lo.

Assim que o período do empréstimo terminar, o mutuário lhe devolve o valor mais os juros. Você obtém o controle do seu ativo juntamente com os juros, que são a recompensa pelo empréstimo, e pode gastar como quiser.

Funciona praticamente da mesma forma que os empréstimos normais que rendem juros. A única diferença significativa é que, enquanto o empréstimo normal oferece taxas de juros muito baixas, com criptomoedas você pode ganhar mais de 10%.

A analogia que acabei de fazer é mais do que suficiente para você entender o staking superficialmente: trata-se simplesmente de manter uma criptomoeda para ganhar recompensas. No entanto, se quiser ter um entendimento mais aprofundado e saber tudo sobre e o por quê disso, é preciso entender um fenômeno subjacente: o mecanismo de Proof of Stake.

O que é Proof of Stake?

Você pode se perguntar: por que você seria recompensado apenas por reter (hold) uma criptomoeda e não fazer nada? Para saber por que, você precisa saber como o PoS (Proof of Stake) de criptomoedas funciona. Proof of Stake significa Prova de Participação no português, mas o termo em inglês é mais comum e mundialmente usado no mercado de financeiro.

Há dois sistemas principais de validação nos quais praticamente todas as criptomoedas se baseiam. As tecnologias Proof of Work (PoW) e Proof of Stake (PoS). A criptomoeda mais popular do mundo, Bitcoin, é baseada em PoW (“Prova de Trabalho”). Isso determina como os dados são organizados em blocos na blockchain Bitcoin. Em outras palavras, é um mecanismo que está no cerne do Bitcoin e adiciona segurança e autoridade ao blockchain.

Proof of Work envolve mineração. Os computadores das mineradoras batalham para resolver problemas matemáticos complexos que exigem velocidade de processamento super-rápida e muita eletricidade. Como resultado, toda a computação complexa em andamento torna o blockchain do Bitcoin mais seguro e aumenta sua autoridade.

A Proof of Stake, por outro lado, oferece um caminho alternativo para manter o consenso descentralizado de uma criptomoeda, mas com muito menos demanda de recursos. Esse também é o motivo pelo qual o mundo cripto está mudando para o PoS.

Em comparação com o sistema PoW, que exige que os mineradores resolvam problemas matemáticos para adicionar novos blocos ao blockchain a fim de torná-lo mais seguro, o PoS exige que você “faça o staking” ou bloqueie seus “holdings”, que são então usados pelo blockchain para validar transações e adicionar novos blocos ao blockchain.

O que acontece quando você faz stake de criptomoedas?

Depois de fazer o stake de uma determinada quantia de criptomoedas, ela é bloqueada no sistema por um período de tempo definido. Em seguida, o protocolo PoS atribui aleatoriamente aos stakes o direito de adicionar ao próximo bloco e validar outras transações. O termo “stake” refere-se à quantidade de criptomoeda que foi aplicada por uma determinada entidade.

Embora o protocolo atribua direitos aleatoriamente, quanto maior for o montante do seu stake, maiores serão as chances de ele ser escolhido. As recompensas que você ganha com o seu stake dependem da forma como o seu blockchain de cripto funciona. Por exemplo, algumas criptomoedas recompensam os stakers com a moeda principal que usam, e outras podem ter um sistema de dois tokens.

Suas recompensas também dependem do cronograma de stakes. As programações podem ser totalmente aleatórias e variar entre criptomoedas. Alguns blockchains recompensam os usuários usando uma porcentagem fixa após um período fixo.

Aqui está o que as recompensas geralmente dependem das métricas a seguir, mas essa não é uma lista exaustiva.

  • O valor das moedas
  • O período de stake
  • Total de moedas tendo stakes na rede
  • Taxa de inflação

Como fazer staking de criptomoedas

Antes de prosseguirmos, observe que nem todas as criptomoedas usam o mecanismo PoS, portanto, nem todas podem ser ter stakes. Como mencionado acima, o Bitcoin usa o mecanismo PoW e só pode ser minerado. Você só pode fazer o stake de criptomoedas que usam PoS.

Realizando o stake de criptomoedas.

Então, antes de tudo, você precisa escolher a criptomoeda certa. Aqui estão alguns exemplos de criptomoedas que usam PoS e que o stake pode ser feito:

  1. Ethereum (2.0)
  2. Cardano (ADA)
  3. Tether (USDT)
  4. Solana (SOL)
  5. Polkadot (DOT)

Etapa 1 – Escolhendo a criptomoeda certa para fazer o stake

Escolher a criptomoeda certa é a primeira e mais importante parte do staking de criptomoedas. O erro mais comum que as pessoas cometem é escolher uma criptomoeda só porque ela oferece recompensas maiores do que outras.

Ver criptomoedas oferecendo recompensas impressionantes de 100% ou até mais não é algo incomum. E embora seja muito tentador lucrar com esses investimentos, é quase sempre uma má escolha porque essas criptomoedas certamente irão falhar no futuro.

Sempre compre criptomoeda olhando para o longo prazo. Vá em frente se parecer um investimento confiável e lucrativo de longo prazo. E sim, se o stake é uma opção, veja isso como um benefício adicional. Isso não deve ser o seu único motivo para investir.

Passo 2 – Comprando criptomoeda

Depois de fazer sua escolha, o próximo passo é comprar essa criptomoeda. Esta fase é bem simples, mas é preciso ter cuidado com a plataforma que você usa. A opção mais direta é optar por uma exchange de criptomoedas que permite o stake de criptomoeda.

Observe que nem todas as plataformas que permitem comprar criptomoedas oferecem a opção de stake. Além disso, alguns nem permitem transferi-la para outro local para que você possa realizar o stake. Portanto, a opção mais segura é comprar criptomoeda em exchanges como:

Essas exchanges executam validadores, o que significa que permitem que você faça o stake de seus ativos no aplicativo com apenas alguns toques.

Passo 3 – Staking

Se você quiser fazer o stake de suas criptomoedas na mesma exchange em que comprou, não precisa fazer muito. Basta ir à página ou opção de staking na sua exchange e fazer o stake do montante. Algumas criptomoedas podem ter um limite mínimo para o valor que você pode fazer o stake.

Você também pode optar por um pool de stakes. Um pool é quando muitos investidores se unem para criar reservas de criptomoedas maiores, de modo que realizar o stake juntos pode te render mais recompensas do que individualmente.

Para participar de um pool, você terá que transferir seus ativos para uma carteira de criptomoedas e, a partir daí, participar de um pool. É isso. Depois de fazer o stake, não há muito mais o que fazer, exceto contar a renda passiva que você está ganhando.

Prós e Contras

Se você pretende investir em participações como fonte de renda passiva, talvez queira pesar seus prós e contras para tomar a melhor decisão pra si mesmo. Parece uma opção muito lucrativa e, em comparação com outras formas de ganhar com cripto, requer muito menos tempo, conhecimento técnico e investimento.

Prós

  • Grande fonte de renda passiva – Você obtém retornos muito mais lucrativos com stakes de criptomoeda em comparação com outras fontes de renda passiva.
  • Fácil de começar – Em comparação com a mineração, você pode começar com muito menos recursos. Tudo que você precisa é do valor do investimento e pronto.
  • Os Stakers podem participar – Como staker, você ocupa uma posição importante na rede de criptomoeda. Embora as criptomoedas ainda sejam descentralizadas, você pode ter mais voz ou voto no que acontece com a criptomoeda.

Contras

  • Incerteza do mercado – A criptomoeda é volátil. Dizer se o valor de uma determinada criptomoeda aumentará ou diminuirá no futuro é muito difícil. Dito isto, ao fazer stake significa que você está assumindo um risco. Depois que sua criptomoeda estiver em stake, você não poderá vendê-la, caso seu valor comece a diminuir. Para minimizar esse risco, invista em criptomoeda com maior probabilidade de permanecer estável em valor.
  • Penalização – Se você não estiver usando uma das exchanges mais conhecidas ou se tiver optado por outros nós validadores que ofereçam retornos mais altos, a blockchain poderá penalizá-lo caso detecte que o validador não está mantendo 100% de tempo de atividade e honestidade no processamento de transações. Quando banido, uma parte de seus ativos é retirada.
  • Taxa – Tudo tem um custo. Quando você faz o stake de criptomoedas, especialmente por meio de uma exchange, você precisa pagar uma taxa de stake fixa ou variável.

As 5 melhores moedas para staking

Agora que você já tem a maior parte das informações necessárias para começar, permita-me te orientar na direção certa, recomendando as principais criptomoedas para fazer o stake. As seguintes altcoins são selecionadas por serem de baixo risco e fornecerem altos retornos.

  1. Ethereum (2.0) (ETH): o Ethereum usava anteriormente um sistema de PoW e agora mudou para PoS. Para fazer o stake de Ethereum, há um limite mínimo de 32 ETH. Uma vez feito, você e suas reservas serão “responsáveis pelo armazenamento de dados, processamento de transações e adição de novos blocos ao blockchain”, conforme mencionado no site da Ethereum.
  1. Cardano (ADA): Cardano usa um algoritmo de PoS exclusivo chamado Ouroboros, projetado para garantir a segurança e a descentralização. É conhecida pela rigorosa base científica e pesquisa acadêmica, o que a torna um dos sistemas PoS mais seguros. A rede também oferece menor consumo de energia e uma variedade crescente de aplicativos descentralizados.
  1. Tether (USDT): Tether é uma stablecoin (moeda estável). Isso significa que investir nela não envolve muitos riscos porque o valor dessas altcoins permanece estável. Embora apostar no Tether seja uma opção de risco relativamente baixo, os retornos oferecidos não são muito lucrativos. Vá em frente se quiser ganhar com taxas de retorno razoáveis, como 3,5%, mantendo o risco no mínimo.
  1. Solana (SOL) se destaca pela impressionante capacidade de lidar rapidamente com grandes volumes de transações, o que é um grande atrativo tanto para usuários comuns quanto para desenvolvedores. Quando você aposta sua cryptomoeda SOL, você está essencialmente confiando-a a validadores que mantêm a rede funcionando sem problemas ao processar transações. As recompensas por fazer isso são bastante atraentes, e a plataforma é especialmente popular para aplicativos que exigem alto desempenho e velocidade.
  1. Polkadot (DOT): A Polkadot é uma das moedas mais atraentes para se apostar porque usa uma tecnologia escalonável e de várias cadeias. O valor mínimo de stake é de 40 DOT atualmente. Os stakes de Polkadot proporcionam um retorno médio anual de 14%. Você pode fazer o stake desta moeda em exchanges como Binance e Kraken. Além disso, a DOT está entre as melhores criptomoedas para o futuro, pois também está entre as 10 principais criptomoedas por valor de mercado.

Mineração vs Staking

MineraçãoStaking
Somente moedas Proof of Work podem ser mineradasSomente moedas Proof of Stake podem ter stakes
Requer muita energia e poder computacionalRequer muito menos recursos. Isso pode ser feito através de uma exchange.
Quanto mais poder computacional você tiver, maiores serão suas chances de resolver o bloco e obter recompensasQuanto maior o número de moedas que você fazer stakes, maiores serão as chances de seu stake ser escolhido para validar as transações.
Prático apenas para partes especializadas que podem adquirir equipamentos de alta tecnologia e eletricidade de baixo custoPrático para todos com conhecimento básico de cripto

Yield Farming vs Staking

Para o olho inexperiente, o yield-farming pode parecer idêntico ao staking. Ambos envolvem a obtenção de uma renda passiva, bloqueando seus cripto-ativos por um período de tempo. Mas existem diferenças muito sutis.

O Yield Farming é um fenômeno particularmente novo em comparação com o staking. Isso envolve investir suas criptomoedas em pools de liquidez em plataformas DeFi. Quando um Yield Farmer fornece liquidez a uma Exchange Descentralizada (DEX), ele ganha uma parte das taxas da plataforma DEX que são pagas pelos usuários.

Os Yield Farmers podem contribuir com as próprias moedas pelo tempo que desejarem. Já os stakers precisam manter suas moedas em staking por períodos mais longos. Para o Yield Farming, os Farmers podem mantê-los por apenas alguns dias ou por muitos meses. Os farmers ganham recompensas diariamente.

Ponto-chave

Isso marca o fim deste guia detalhado. Se você leu o artigo inteiro, certamente terá uma boa ideia sobre o staking e como ele funciona. Lembre-se, escolha a moeda certa e a plataforma certa para fazer stakes, e você estará pronto para começar!


Isenção de Responsabilidade

Este artigo é apenas para fins educativos. Não somos consultores financeiros. Todas as informações fornecidas pela SmartOptions são apenas de cunho informativo. Não deve ser considerado aconselhamento jurídico ou financeiro. Você deve consultar um consultor financeiro ou outro profissional de mercado para descobrir o que pode ser melhor para suas necessidades individuais e tolerância ao risco.

Por favor, faça sua própria pesquisa e nunca deixe alguém realizar trades na sua conta por você. Não apoiamos nem patrocinamos a Gestão de Fundos de forma alguma. Analisamos apenas os provedores de sinais, o trabalho/análise/educação fornecidos por eles. Por favor, leia este aviso e saia do site se você discordar.

NÃO PERCA UMA CRIPTO NOTÍCIA

Se increva e receba a nossa newsletter para ler nossos artigos em primeira-mão, estar a par de todas as novidades no mundo cripto, ofertas e anúncios especiais.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.

Artigos relacionados

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Ahad Waseem
Ahad Waseem
A linguistic engineer who writes to solve problems. Ahad is a cybersecurity, blockchain, and business writer who often takes on art, politics, and economics too. He’s written for various crypto publications and trades cryptocurrency too. When he’s not writing, he’s probably on horseback, caring for his houseplants, or training Bonsai trees.